cachorro brincando puxando

Brinquedo para cachorro: como escolher? Deixe um comentário

O mercado Pet cada vez mais tem trazido novidades e brinquedos novos tem surgido. Hoje temos muito mais empresas atentas às necessidades dos cães e muitas investem em estudos no desenvolvimento dos brinquedos.

Brinquedo para cães não é frescura e sim uma parte muito importante da rotina de atividade deles. Saber quando usar e inserir os brinquedos na rotina do seu cão é de grande ajuda para o equilíbrio dele.

Brinquedos recheáveis, brinquedos de roer, brinquedos com apito, brinquedos de pelúcia, bolinhas, tabuleiros, jogos interativos, frisbee, etc. São muitas opções e saber escolher e usar faz toda diferença.

Mas como escolher o brinquedo que mais se adapta ao seu cão?

É bom ter em mente que antes de tudo, devemos pensar na segurança do nosso melhor amigo. Optar por brinquedos seguros, brinquedos específicos para cães, com o tamanho ideal para o seu cão, pois tudo isso pode comprometer a segurança dele.

Comece investindo nos brinquedos recheáveis como Kong e bonequinha/monstrinho Pet Games e em brinquedos de roer que podem ser utilizados e/ou deixados expostos todos os dias.

1-) Recheáveis: ajudam bastante no gasto de energia mental e induzem a calma.
2-) Roer: Escolha os que mais se adequam à mordida do cão, para criar interesse pode ser usada uma pastinha ou a comida favorita do seu cão pra ativar o interesse dele.

Feito isso, escolha agora brinquedos diversos de acordo com o interesse do seu cachorro: som, textura, os recheáveis que induzem movimento. Escolha brinquedos que serão utilizados somente através de você numa brincadeira e quando acabar serão recolhidos. Vale também fazer um revezamento de brinquedos criando valor e interesse.

É válido observar a forma como seu cão interage com os brinquedos, qual parte do corpo ele mais usa para interagir: boca, pata, cabeça? E em relação ao poder de destruição: alto, baixo, moderado? Essas perguntas são importantes para decidirmos entre uma bolinha ou um tabuleiro, um brinquedo de nylon ou uma pelúcia, por exemplo.

Depois que decidiu qual brinquedo escolher, é hora de apresentá-lo ao seu cachorro. Nada de pegar o brinquedo e arremessar para o cão e deixá-lo desvendar as funções daquele brinquedo. Cada brinquedo irá despertar um instinto ao animal e isso precisa ser apresentado para que o cão tenha interesse e entenda como interagir com aquele novo objeto.

Sabe aquele cachorrinho que pega “o que não deve” em casa? Ele pode estar criando uma brincadeira para interagir com você. Pois, que tal mostrar a ele qual brinquedo é legal e divertido? Que tal trazer o brinquedo para uma relação saudável e divertida com você?

Vamos começar?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *