Publicado em Deixe um comentário

5 dicas para cuidar das almofadas das patas dos cães

almofada pata cachorro

Embora às vezes não tenhamos esta percepção, as almofadas (coxins) das patinhas dos cães são sensíveis e demandam cuidados especiais para se manterem sempre limpas e saudáveis, afinal, são elas, que ajudam o cão a manter o equilíbrio e funcionam como amortecedores para suportar o peso do seu corpo e o impacto durante corridas e caminhadas.

As almofadas das patas dos cães são compostas principalmente de tecido adiposo para que fiquem protegidas do frio e do calor, entretanto, é possível que elas sofram ressecamento, queimaduras (inclusive formação de bolhas) quando andam por superfícies quentes ou irritações ao entrar em contato com produtos químicos ou sujeira ou mesmo sofram lesões por espinhos, cacos de vidros e outros materiais perfurocortante.

Por isso, separamos cinco dicas preciosas para cuidar melhor das almofadinhas das patas do seu cachorro e deixá-lo livre de riscos e dor:

1. Cuidado com calosidade! Como dissemos anteriormente, as almofadas das patas dos cães são sensíveis, para protegê-las, é importante prepará-las para que possam suportar as condições tanto do asfalto como de áreas verdes. Para endurecer e fortalecer os coxins você pode revezar áreas de asfalto com as de grama, de maneira que o cão irá se acostumar e dará tempo para que a pele das almofadinhas endureça sem ferimentos e calosidade.

2. Evite sair para passear em dias quentes. Embora pareça uma parte resistente, as patinhas podem se queimar em contato com o asfalto quente. Escolha horários em que o sol ainda não esteja tão forte e dias de temperaturas mais amenas para o passeio ao ar livre. Uma dica para saber se o chão está muito quente, é você mesmo sentir a temperatura do chão com o pé descalço, ou encostar a palma da mão no chão. Assim, se a temperatura estiver adequada a você, ela certamente estará adequada para o seu cachorro sem o risco de queimar suas almofadas.

3. Tome o cuidado de inspecionar os locais por onde seu cachorro circula. Verifique se o ambiente está livre de objetos cortantes como cacos de vidros e de resíduos como restos de alimentos que possam grudar nos pelos das patinhas. Inspecione também as almofadas da pata do seu cachorro diariamente, especialmente após o passeio.

4. Hidrate as almofadinhas do seu cachorro! A hidratação das almofadas com um bálsamo próprio é imprescindível para evitar o ressecamento e rachaduras, principalmente no inverno. O bálsamo da Vetfleur Aromaterapia para cães é uma ótima opção, a base de ingredientes naturais vegetais é totalmente seguro caso seu cachorro lamba as patas após a aplicação e você pode aproveitar a aplicação para fazer uma massagem relaxante na almofadinha melhorando a circulação e proporcionando um momento de aproximação entre vocês. Demais né!?

5. Limpe-as corretamente, especialmente após o passeio. A higienização inadequada das patinhas pode ocasionar doenças principalmente se o seu cachorro for alérgico. Já parou pra pensar na sujeira visível e invisível que tem nas calçadas? Essa sujeira pode provocar crises de alergia, causando coceira e ser ingerida ao lamber as patas e até mesmo contaminar ouvidos do seu cachorro ao se coçar. A higienização das almofadas com uma loção específica, como Neem Pet, ajuda a remover a sujeira, além de proteger as patinhas dos cães contra a proliferação de bactérias e auxiliar no combate às pulgas e carrapatos, deixando-as limpinhas e prontas para circular pelo sofá de casa!

Gostou? Quais cuidados você tem com as almofadas do seu peludo? Conte aqui para gente!

Compartilhe:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *